Carnaval

Atleta não se conforma por não salvar amigos

Ele despertou com cheiro forte de queimado e de tragédia ao redor

Por Rosa Ville em 10/02/2019 às 19:16:43

arquivo pessoal

"Você soube o que aconteceu", insistiu em tom angustiado o jovem com o empresário Bruno Pedrosa, às 6h50. "Só queria te falar que estou bem", disse. "Assim que me falou isso, ele começou a chorar", afirmou o assessor do centroavante do clube.

Filipe foi um dos primeiros jogadores a ver o início do incêndio que deixou dez vítimas e três feridos no centro de treinamento Ninho do Urubu. "Agora, ele está oscilando bastante, tem horas que está bem, tem horas que começa a chorar", afirma o empresário. Para tentar se esquecer, mesmo que, momentaneamente, das imagens do fogo invadindo os dormitórios, Filipe repousa na casa de familiares na cidade de Vassouras, no interior do Rio de Janeiro.

Na segunda-feira (11), deve ir ao encontro dos pais, que vivem em Minas Gerais. "Sugeri que ele passasse esses dias na casa de parentes porque a mãe dele está muito abalada. Parece que, nesses casos, os pais sentem até mais do que os filhos", contou o empresário.

Filipe lembra com clareza - e com agonia - do calor que o fez acordar por volta das 5h da manhã da sexta-feira. No dormitório de número 6, que ele dividia com mais dois amigos, sua casa era a mais próxima do aparelho do ar condicionado. Na madrugada, o jogador despertou com o calor e com o forte cheiro de queimado.

Apesar do repouso e da tentativa de se distanciar das lembranças do fogo, imagens como a de companheiros de clube correndo para se salvar das chamas desmaiando ao inalar a fumaça. "Meninos dessa idade nunca pensam que vão morrer. Ele diz muito que queria ter conseguido tirar os amigos de lá."

Segundo o empresário, apesar da tragédia e do momento de silêncio, Filipe não pensa em abandonar os treinos e o futebol. "Ele tem um sentimento de querer vencer e continuar por ele mesmo e, sobretudo, pelos amigos." Pelo Instagram, ele publicou uma mensagem que dizia "tá difícil, mas vai melhorar". Na sexta-feira, ele publicou uma imagem com o brasão do clube em luto: "os amigos se foram", escreveu.

"Está difícil mas vai melhorar" desabafou o atleta em suas redes sociais sobre o seu estado de espírito.

Fonte: Créditos: Fabiola Perez, R7

WhatsApp Grande
Banner 03 anuncie aqui sua empresa