A primeira maratona de São Bernardo, realizada na tarde do último domingo (20), na cidade de São Bento – PB reuniu diversos participantes e serviu de estímulo aos atletas e às pessoas que assistiram à competição.

A corrida começou às 16h30min, na ponte do Riacho do Feijão, saída pra o município de Paulista, num percurso de 3 km, indo até a Igreja de São Bernardo, no bairro de mesmo nome.

Houve premiação e medalhas para os dez primeiros lugares do sexo masculino, além da única mulher a entrar na competição, a Enfermeira Ezilda de Sérgio de João de Dedé, que foi muito aplaudida e agraciada com troféu e medalha.

Os ganhadores do sexo masculino foram:

  • Sebastião Romero (1º lugar);
  • Erinaldo Ferreira (2º lugar);
  • Euclides Júnior (3º lugar);
  • Manoel Pereira (4º lugar);
  • Natanael (5º lugar);
  • Danilo (6º lugar);
  • Leomarque Pereira (7º lugar);
  • Oliveira (8º lugar)
  • ran Maia (9º lugar).
  • O décimo e último colocado recebeu medalha e prêmio, mas não quis ter o nome divulgado, segundo o organizador do evento, Luciano da Silva Nascimento.

A 1ª Maratona de São Bernardo aconteceu dentro da Programação do Padroeiro São Bernardo, em São Bento, que iniciou no dia 21 de dezembro e se estenderá até o dia 30 do corrente mês. Na ocasião, o Padre da Paróquia, Severino Elias, enalteceu os participantes e disse que a corrida foi muito importante, pois além do fortalecimento espiritual, as pessoas precisam do fortalecimento do corpo também.

O Objetivo da prova era que fosse disputada entre homens e mulheres, porem nessa edição, apenas uma candidata se inscreveu para a prova feminina. A direção espera que a prova feminina tenha mais participantes nas próximas edições, conforme o evento se tornar mais popular.

Além da medalha da premiação, os vencedores receberam um prêmio em dinheiro. Entretanto, o valor não foi divulgado pela prova para proteção dos atletas vencedores.

A largada da prova ocorreu no largo do Patuá, e os atletas percorreram 42 quilômetros dentro do perímetro urbano até o final da prova. Para próximos anos, a direção anunciou que também cogita a realização de uma meia-maratona, com percurso mais cuto.

Luciano relatou que vai continuar incentivando essa modalidade de prática esportiva e tentar amplia o evento, no próximo ano. Os trabalhos de locução da maratona foram feitos por Gilvan Santos e Françuá.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui