Moro em um lugar criativo e natural, abençoado por deus e com mulheres bonitas por natureza, mas que beleza! Moro na Cidade de Deus, onde quem passa, repassa a informação no sorriso, onde a cada dia temos um acontecimento que se ‘natura’. Minha comunidade não para. Depois da visita do presidente americano Barack Obama, mais um grande evento aconteceu! E foi neste último sábado.

A Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) da Cidade de Deus promoveu um dia de atividades culturais, junto com a Secretaria de Estado de Assistência Social e Direitos Humanos, a Natura Cosméticos, o Centro de Referência da Juventude (CRJ) e as ONGs que atuam na comunidade. O evento fez nossas riquezas naturais florescerem. As mulheres da Cidade de Deus agradecem. E os homens também.

O evento teve ainda apresentações dos alunos de karatê, jiu-jitsu e taekwondo da UPP, sorteio de kits da Natura, oficinas de fuxico e a presença da juíza Thelma Fraga, com o Projeto Grão.

A UPP Cidade de Deus tem o grupo de policiais militares mais artísticos do Estado. Eles cantam, escrevem, tocam instrumentos e até recitam poesias! São pessoas normais, que saem de suas casas para trabalhar e ainda exercem algo que vai além da segurança pública, o regaste da cidadania, a interação com a comunidade e a socialização propriamente dita. Entendemos hoje que estamos todos remando no mesmo barco, em prol de uma melhor qualidade de vida.

Olhar um detalhe aqui e outro ali é perder a percepção do todo. E a cada dia percebemos o que realmente somos: seres criativos por natureza. Por isso, talvez sejamos o berço de uma arte popular. Somos donos de uma linguagem espontânea e, acima de tudo, de corações abertos. Nossa criatividade traça caminhos com a solidariedade que se natura. Somos sim uma comunidade famosa, não por atitudes de alguns, mas sim pelo amor de todos!Gostaria ainda de colocar aqui o comentário que uma moradora fez para mim durante o evento.

Leiam o que me disse a Rosalina Brito: “É disso que estamos precisando, elevar a auto-estima, oportunidades de mostrar que somos do bem e que sabemos fazer acontecer. Que somos capazes de trabalhar na construção de um novo mundo para a transformação”

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui